As filhas de Maria Aparecida da Silva - Márcia, 7 anos, e Mikaele, 5 - tiveram que esperar quase dois meses para usar os livros e cadernos novos comprados com sacrifício pela mãe, que está desempregada, para o início do ano escolar. Foram matriculadas na Escola Municipal Margarida Maria de Farias Barros Miranda, a mesma dos primos, Daniel, 4, e Caroline, 6, filhos de Josicleide da Silva. Promessa da Prefeitura de Caruaru feita na entrega das casas do Loteamento Demóstenes Veras, localizado no bairro José Carlos de Oliveira, mas que só pôde ser realizada no dia 25 de março.


O motivo do atraso, segundo a prefeitura, foi a falta da existência de um prédio adequado para funcionamento da escola. "A prefeitura necessitou alugar um prédio e fazer as devidas adequações, portanto, foi necessário esperar o término das obras para dar início ao ano letivo", disse a assessoria de imprensa em nota. A Gerência de Ensino da Secretária e a equipe gestora da escola ainda não definiram um calendário específico de compensação das aulas.


Apesar de Cida denunciar que não houve oferta de transporte escolar para outras unidades de ensino, a prefeitura garante que é oferecida condução para as crianças até o bairro João Mota, com mais opções de escolas.


A Escola Municipal Margarida Maria de Farias Barros Miranda está localizada no Loteamento Parque Real, atendendo cerca de 730 alunos do Demóstenes Veras e também dos loteamentos Andorinha e João Barreto, além das demais comunidades do bairro José Carlos de Oliveira. Funcionam no local turmas de educação infantil, ensino fundamental e educação de jovens e adultos.


NÚMEROS DA EDUCAÇÃO EM CARUARU - 2013

Trilha sonora

O Nordeste e suas manifestações culturais revisitadas estão presentes no trabalho autoral da cantora, compositora e percussionista Alessandra Leão, que emprestou sua sensibilidade musical e timbre de voz singular à trilha sonora do webdocumentário Pelo menos um, com as músicas "Pra Chegar", do álbum "Folia de Santo", e "Desperta!", de "Brinquedo de Tambor".


Lançado em 2008, o CD "Folia de Santo" integra o projeto musical homônimo, fruto do trabalho de pesquisa de 10 anos de Alessandra sobre a relação das peças musicais da cultura popular brasileira com as práticas devocionais de diversas regiões do País. Benditos, louvações, excelências, romarias, novenas, ladainhas, toadas e invocações serviram de inspiração para compor o repertório, que começa com a música "Pra Chegar" e se encaixa como uma oração de lamento na abertura do episódio "O menino-herói", deste webdoc.




A pernambucana, que iniciou a carreira no grupo Comadre Fulozinha, consolidou seu espaço na cena musical independente ao lançar em 2006 "Brinquedo de Tambor", seu primeiro trabalho solo. Inspirada nos sons e movimentos do maracatu, ciranda e samba de terreiro, o trabalho lhe rendeu elogios da crítica musical brasileira. Os arranjos, assinados pelo violeiro e compositor Rodrigo Capaça, seu parceiro da vida e da música, foram escritos em cima das melodias da voz e em contraponto às cordas e instrumentos de percussão.


A primeira faixa do disco, "Desperta!", anuncia o tom de festa do trabalho e encerra o último episódio do webdocumentário em clima de luta e esperança. Assim como a vida do povo brasileiro.


Clique aqui para ouvir a música

01 02 03