Há um ano, o Brasil dava adeus à segunda Copa realizada no País. Promessa de glória do futebol brasileiro e benfeitorias para a população, o Mundial provocou, sim, mudanças em Pernambuco e deixou no Estado cenários que são mais que lembranças do sonoro 7x1 da Alemanha e que o NE10 mostra nesta série que vai até quinta (16): desapropriações para estradas nunca feitas, corredores de transporte incompletos, uma arena cujo valor ainda é um mistério e que o torcedor ainda não se apropriou totalmente.